Conferências em parceria com Universidade de Vigo

O Professor Alberto Pena Rodríguez, da Universidade de Vigo, realizou duas conferências, na Universidade Lusófona de Humanides e Tecnologias, como resultado do seu projetos de investigação associado ao CIPES e à Faculdade de Ciências Sociais, Educação e Administração.

A primeira conferência, “A campanha de oposição á ditadura salazarista nos Estados Unidos (1930-1950)”, aconteceu no dia 20.03.2019, e abordou o papel desempenhado pelos exilados portugueses, nos Estados Unidos, durante o período entre 1930 e 1950, no qual o ex-Ministro Republicano, João Camoesas, liderou um movimiento de agitação política contra a ditadura Salazarista através da criação da Portuguese American Committee for Demorcracy. Esta pesquisa realizada nos arquivos de Lisboa descreveu as principais ações de propaganda desenvolvidas pelos exilados contra o Salazarismo em diferentes cidades de América do Norte.

A segunda conferência, “Portugal e a Guerra Civil Espanha: ideología, diplomacia e propaganda”, teve lugar no dia 29.03.2019, tendo abordado a recepção em Portugal da Guerra Civil espanhola, entre 1936 e 1939. Durante o conflito fratricida espanhol, a ditadura Salazarista reagiu apoiando de jeito incondicional o golpe de Estado contra do governo republicano de Madrid. Neste contexto, o aparelho de propaganda do regime, dirigido pelo Secretariado de Propaganda Nacional, converteu-se durante a batalha no principal altofalante exterior do franquismo. A imprensa, a rádio, o cinema e as estruturas diplomáticas do Estado Português trabalharam a favor da vitória do general Franco desde o início dos combates. O Estado Novo Salazarista converteu-se desde modo num dos mais firmes aliados da “nova” Espanha franquista, com a que criou uma aliança que perseguia evitar os contágios desestabilizadores do republicanismo espanhol em Portugal e consolidar assim o projeto ideológico do Salazarismo.